#7 Como garantir o seu sucesso

#7 Como garantir o seu sucesso

Você já parou para pensar quais foram as maiores dificuldades que teve em resoluções de virada de anos anteriores? Teria sido a complexidade das metas que estabeleceu para si? Ou, quem sabe, você acabou superdimensionando a quantidade de coisas que realmente poderia realizar no período de um ano? Talvez você não tenha levado em conta outras variáveis que surgiram ao longo do processo e teve seus planos iniciais frustrados?

Em geral, o nível de confiança das pessoas que estabelecem metas para o ano novo é elevado (cerca de 52%) mas a frustração também, já que apenas 12% as cumprem no final das contas. Os dados são da pesquisa inglesa coordenada pelo psicólogo Richard Wiseman, que temos constantemente abordado nesta série.

Mas há outra informação muito positiva desse mesmo levantamento: a de que uma única estratégia foi responsável por aumentar as chances de sucesso em 35% para quem a adotou: DIVIDIR O OBJETIVO FINAL EM UMA SÉRIE DE PEQUENOS OBJETIVOS E SE DAR UMA RECOMPENSA A CADA PASSO.

Essa técnica não é nova. Foi proposta já no século XVI pelo filósofo René Descartes em sua famosa obra “Discurso do Método”, e é utilizada até hoje. Coaches e gestores costumam utilizar uma ferramenta simples e eficaz para isso, que cai como uma luva para a nossa estratégia de hoje.

É o Road Map, uma linha do tempo em que disponibilizamos os passos de uma meta ao longo da passagem dos dias. Com ele podemos assumir uma visão mais sistêmica de cada objetivo e de suas partes, bem como acompanhar nosso progresso e fazer ajustes quando necessário.

O SEGREDO DO ROADMAP É FAZÊ-LO A PARTIR DE UM PLANEJAMENTO INVERTIDO.

Começamos na etapa final, no dia em que pretendemos realizar a meta, e vamos inserindo eventos no tempo de trás para a frente até chegarmos à data presente. A razão disso é psicológica.

Pessoas que procrastinam tendem a pensar em etapas sequenciais, ou seja, nas tarefas, que muitas vezes são chatas, mas necessárias para alcançar à meta. Os que se mantêm motivados o fazem porque têm como foco o passo final, o objetivo a ser conquistado.

Se estudos revelam que podemos aumentar em três vezes as possibilidades de sucesso para as resoluções de virada do ano com uma técnica como essa, por que não experimentar? Aceita o desafio?

Então escolha uma meta importante para 2017, pegue papel e caneta, e risque uma linha de ponta a ponta em sua folha. Coloque na extremidade inicial da linha o seu objetivo final e a data exata em que planeja realizá-lo. Lembre-se, sua meta precisa estar corretamente formulada, conforme aprendemos no dia 5 desta série. Na outra ponta coloque a data de hoje, que é o dia em que você está planejando.

Comece a trabalhar pela data final, o dia da conquista. Imagine-se nesse dia, sua satisfação por ter alcançado a meta e o orgulho por ter superado as dificuldades que surgiram no caminho. Ainda vivenciando esse cenário futuro, faça-se a seguinte pergunta: “QUAL TERIA SIDO MINHA AÇÃO IMEDIATA ANTES DESTA AÇÃO ATUAL?”. E pergunte-se ainda: “EM QUE MOMENTO EXATAMENTE ELA TERIA SIDO EXECUTADA?”

Trata-se de um exercício imaginativo, mas plenamente realista. Escreva a ação anterior imaginada, sua data pretendida e a posicione no lugar correto da sua linha do tempo.

O próximo passo é se imaginar no dia dessa ação anterior. Mais uma vez, vivencie o momento em sua mente e faça as mesmas perguntas para conceber uma outra ação anterior a essa. Coloque-na no seu Road Map e repita os passos sucessivamente até chegar à extremidade da linha correspondente ao dia de hoje.

Ao final desse processo, você terá um planejamento completo, passo a passo, de cada etapa necessária para realizar a meta. Vamos dar um exemplo. Se o objetivo trabalhado for ter um carro novo no dia 30 de março de 2017, você pode conceber etapas anteriores como na sequência abaixo:

30/mar – Ir buscar o carro e dirigi-lo pela primeira vez
22/mar – Fechamento da compra
15/mar – Decisão pela compra
10/mar – Economizar 10% do salário para a entrada
01/mar – Pesquisa de preços e lojas
25/fev – Decidir modelo do carro e fazer o test drive
18/fev – Pesquisar modelos para decidir o melhor para mim
10/fev – Economizar 10% do salário para a entrada
10/jan – Economizar 10% do salário para a entrada
10/dez – Guardar o 13º para a entrada
05/dez – Planejamento (Road Map)

Mesmo depois do planejamento completo ou mesmo com ele em execução, alguns ajustes podem ser feitos em etapas intermediárias sem nenhum problema. Para potencializar resultados, torne cada parte bem específica (conforme abordamos em nossa 5a. estratégia) e siga o conselho da pesquisa que citamos no início desta postagem: se dê uma recompensa para cada passo executado. Pode ser qualquer coisa que goste, como um jantar romântico com a esposa ou ir ao cinema. Isso pode realmente motivá-lo, mas não esqueça de estabelecer esses incentivos antes de cada ação.

O que achou da estratégia de hoje? Compartilhe com a gente, e com seus amigos essa dica!

Deixe uma resposta