#10 Aprenda a reconhecer seus valores

#10 Aprenda a reconhecer seus valores

Na estratégia de ontem abordamos um ponto bastante sensível dessa nossa série de 30 ESTRATÉGIAS PARA SUAS METAS DE 2017, que é a falta de um porquê para as metas que normalmente as pessoas se propõem. Como dissemos, sem um motivo forte, jamais haverá boas razões para promover mudanças importantes. E nesse ponto estamos falando de VALORES, um tema caro ao coaching.

Nossos valores estão intrinsecamente ligados às metas que nos propomos, uma vez que são eles que nos impulsionam e mobilizam para a ação.

Podemos definir esse conceito a partir da descrição de dois dos principais autores de livros sobre Programação Neurolinguística, Joseph O’Connor e John Seymour. Segundo eles, “valores são fundamentos éticos e morais que consideramos importantes em nossas vidas. Valorizar alguma coisa significa dar-lhe importância. Naturalmente, pessoas diferentes terão valores diferentes”. Assim, cada indivíduo possui seu próprio conjunto de valores com base em sua história pessoal, aprendizados e experiências de vida.

Normalmente valores são expressos por termos simples, como família, segurança, criatividade, prazer, liberdade, etc. Uma pessoa que está em congruência com seus valores, ou seja, que se comporta de acordo com eles, tende a se sentir bem ou feliz. A incongruência, por sua vez, vem de valores não satisfeitos, e causa sentimentos como angústia, ansiedade ou tristeza. Na verdade, poucas pessoas conhecem seus próprios valores simplesmente por nunca terem refletido sobre eles.

RECONHECER NOSSOS VALORES PESSOAIS é um passo fundamental para que sejamos bem sucedidos nas resoluções de ano novo, pois é o desconhecimento deles que nos leva muitas vezes a elaborar metas que jamais iremos cumprir. Se assumirmos objetivos incongruentes com nossos valores, dificilmente encontraremos alguma motivação para realizá-los, pois no fundo não são metas realmente importantes para nós.

Então que tal elaborarmos uma lista de objetivos para 2017 realmente congruentes com nossos valores? Para isso, precisamos primeiramente conhecê-los. Pegue papel e caneta e siga os passos abaixo:

1. SELECIONE OS 10 VALORES MAIS IMPORTANTES PARA VOCÊ A PARTIR DA LISTA ABAIXO. (Você pode incluir outros também, se quiser)

  • Afeto
  • Autenticidade
  • Aventura
  • Companheirismo
  • Compaixão
  • Competência
  • Competitividade
  • Comprometimento
  • Cooperação
  • Contribuição
  • Coragem
  • Crescimento Pessoal
  • Criatividade
  • Desafios e conquistas
  • Eficiência
  • Estabilidade
  • Ética
  • Excelência
  • Fama
  • Família
  • Harmonia
  • Honestidade
  • Humor
  • Independência
  • Inovação
  • Integridade
  • Lealdade
  • Liberdade
  • Melhoria contínua
  • Mudança
  • Organização
  • Paixão
  • Persistência
  • Poder
  • Prazer
  • Prosperidade
  • Qualidade
  • Reconhecimento
  • Relacionamento
  • Reputação
  • Respeito
  • Responsabilidade
  • Sabedoria
  • Segurança
  • Serenidade
  • Status
  • Sucesso
  • Variedade


2 – REDUZA SUA LISTA DE 10 PARA 5 VALORES MAIS IMPORTANTES.

3 – IDENTIFIQUE OS 3 VALORES MAIS IMPORTANTES DE SUA LISTA DE 5, E COLOQUE-OS EM ORDEM DE PRIORIDADE.

4 – DEFINA UMA OU MAIS METAS PARA 2017 QUE, SE CUMPRIDAS, FARÃO COM QUE SEU VALOR MAIS IMPORTANTE SEJA SATISFEITO. REPITA ESSE PASSO PARA O SEGUNDO E TERCEIRO VALORES MAIS IMPORTANTES.

Assim você terá uma pequena lista de resoluções criada a partir do que é mais relevante para você, e menos influenciada pelas expectativas dos outros. Não esqueça de tornar suas metas mais específicas a partir da estratégia que vimos na dica 5 desta série, e de compartilhar conosco como foi trabalhar os seus valores.

Deixe uma resposta